Jetstortopia

PS4 e Xbox One lançados – hora de jogar Wii U

Posted on: 25/11/2013


8a geração de consoles

Pode parecer contraditório, mas foi isso mesmo que eu fiz. É claro que adoraria botar as mãos num PS4 ou Xbox One novinhos no próprio dia do lançamento, mas isso se daria mais pelo apelo do marketing do que pela real razão de se ter um console – que é sua biblioteca de jogos.

Após um ano de seu lançamento é o console da Nintendo que apresenta as melhores opções exclusivas tais como os elogiados Pikmin 3, New Super Mario Bros. U e o recém lançado e elogiadíssimo Super Mario 3D World. Além disso, apesar do fraco suporte inicial das third-parties na verdade o Wii U conta com alguns dos títulos mais icônicos presentes em outras plataformas tais como Assassins Creed IV: Black FlagBatman: Arkham OriginsCall of Duty: Ghosts.

Títulos multiplataforma no WiiU

Sou um gamer bastante retrô e de fato minhas preferências não são tanto os FPS mais modernos ou alguns dos mais badalados jogos de ação atuais mas sim RPGs de ação, jogos de plataforma, puzzles e jogos de corrida. Daí que minha atenção foi atraída pelo remake de Legend of Zelda: Wind Waker HD e especialmente pelo exclusivo Sonic Lost World e foi por esses lançamentos que me decidi pelo console.

Posso afirmar que estou mais do que satisfeito jogando ambos – o primeiro o qual já havia me encantado na versão original para o Gamecube está mais lindo a agradável de jogar do que nunca nesta atual versão e o segundo porque sou fã do Sonic e Lost World é um jogo absolutamente delicioso e digno de figurar entre os melhores da franquia da Sega.

Zelda Wind Waker HD + Sonic Lost WorldAliás devo dizer que há uma aparente má vontade por parte da crítica especializada quanto aos jogos do porco-espinho azul mais veloz do mundo, em parte por conta de uma boa porção de jogos pós-Dreamcast pouco inspirados o que me parece não se justificar mais agora.

Tanto Sonic Colors para Wii quanto Sonic Generations para Xbox 360 e PS3 elevaram novamente o patamar da franquia nos últimos tempos e Sonic Lost World merece estar entre eles – fases inventivas e criativas, jogabilidade fluída e variada, trilha sonora marcante e belos gráficos fazem dele mais uma recomendação de alto nível aos amantes da série (veja aqui uma análise favorável e equilibrada do UOL Jogos).

*****

Além disso também não embarquei de cara nos novos aparelhos da Sony e da Microsoft pelas seguintes razões:

preços muito altos – nunca o custo Brasil pareceu pesar tanto. Um Xbox One mesmo produzido por aqui sai por R$2100 e o PS4 importado sai por absurdos R$4000 – o que me faz concordar com o Érico Borgo do Omelete quando ele diz que a Sony precisa vender muito PS3 para pagar o investimento na fábrica nacional – daí o posicionamento alto do preço do PS4. O Wii U nacional recém-lançado não é nada barato custando R$1900 mas ainda assim é o mais em conta dos três;

problemas iniciais de hardware – como todo nova tecnologia, só após ser posta á prova no mundo real é que se percebe o quanto estável e confiável ela de fato é – ou não é ainda – pois tanto no caso do PS4 quanto do Xbox One há inúmeros relatos de problemas que podem ser considerados graves já que impedem total ou parcialmente seu uso, como no caso da Luz Azul da Morte do primeiro e do Drive do Juízo Final do último, conforme se disseminaram os apelidos pela net – melhor esperar um pouco mais para não ser premiado.

E não para minha surpresa vejo que uma parte da imprensa dedicada aos games vem destacando exatamente isso em três artigos recém publicados recentemente. No primeiro deles (“Esqueça Xbox One e PS4 – a escolha inteligente para o Natal é o Wii U“) Rob Crossley escreve para o site CVG que:

Computer and Videogames“Sim, o Xbox One e o PS4 são sistemas em sua infância que eventualmente serão populados por jogos e aplicativos sensacionais, lindos e revolucionários. Mas no atual momento existem jogos melhores no 360 e no PS3 do que neles. Então quando me perguntam qual  novo console recomendo comprar, minha resposta é sempre o Wii U – está mais barato, é mais facilmente encontrado e mais importante: já tem uma excelente biblioteca de jogos.”

Já o site International Digital Times destaca em um artigo (“Wii U: Nintendo oferece uma forte linha de jogos enquanto o Xbox One e o PS4 oferecem quase nada“) e numa coluna (“PS4 vs Xbox One: quatro razões para comprar um Wii U ao invés de sistemas sem jogos“) de uma maneira até mais enfática que:

International Digital Times“Evite todo o nonsense do PS4 e Xbox One neste final de ano – nesta altura é o Wii U que apresenta a melhor linha de jogos e os melhores preços, além de ser um sistema estável. Novíssima geração? Espere até ela ficar de fato pronta. Além de ser mais barato, ter melhor biblioteca e seus jogos parecerem mais bonitos do que seus concorrentes, o Wii U tem se mostrado o hardware mais confiável, não apresentando nenhuma falha grave desde seu lançamento.”

 São argumentos bastante razoáveis e que acabaram por confirmar minhas suspeitas: Xbox One e PS4 prometem ser sistema incríveis que nos darão horas e horas de encantamento e diversão mas que ainda estão longe de entregar o que anunciam.

Por outro lado o desconsiderado Wii U merece um segundo olhar de qualquer gamer que se importe com o que mais interessa de fato – a qualidade dos seus jogos e o imenso prazer ao jogá-los.

Exclusivos Wii U

*****

Atualização 26/11/13não por coincidência mais uma boa e detalhada matéria por Rodrigo Guerra e Pablo Raphael (“5 razões para você adiar a compra de um PS4 e XBO“), refletindo sobre o tema e chegando a conclusões semelhantes, foi publicada hoje no UOL Jogos:

Uol jogos“Aproveite melhor seu Xbox 360 e PS3 [pois] o hardware pouco confiável, [o fato de estarem] ainda em desenvolvimento, os poucos jogos e o alto custo [indicam que] é melhor esperar um pouco mais e comprar sua máquina mais para o futuro, quando recursos realmente inovadores surgirem para as novas plataformas.”

2 Respostas to "PS4 e Xbox One lançados – hora de jogar Wii U"

todo sobre sony es mierda maldita maquina destructora de sega

Curtir

De fato nós fãs da Sega sempre teremos um travo amargo com relação à Sony. O caso é que esta era uma empresa muito maior financeiramente e com uma compreensão de design e funcionalidade mais alinhada ao mercado na época. A Sony compreendeu que o jogador médio passou a querer um design sóbrio (PS2, preto e maciço), temática mais adulta (MGS, Resident Evil, Silent Hill, etc) e capacidade de video (DVD). A Sega, vindo do ramo de entretenimento casual (SErvice GAmes), propunha diversão mais leve estilo arcade, um design mais lúdico e inovações (acessórios, jogabilidade online) que só foram plenamente popularizadas 5 a 10 anos mais tarde. Fundamentalmente não tinha dinheiro suficiente para bancar o seu modelo e três relativos “fracassos” anteriores (SegaCD, 32X e Saturn) também pesaram na preferência do público. No final uma combinação desses fatores acabou por selar o destino da Sega como apenas uma softhouse, infelizmente para nós que amamos suas criações.

Curtir

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Banner

Adicione nosso banner

Translate

Traducir - Übersetzen - Traduire - Tradurre - Přeložit - 翻訳する - μεταφράζω

Do quê você é fã?:

Insira seu endereço de email para assinar este blog e receber notificações de novos artigos por email

Junte-se a 422 outros seguidores

Enquete:

Tweets + recentes:

Erro: o Twitter não respondeu. Por favor, aguarde alguns minutos e atualize esta página.

Para ler quadrinhos no PC:

Considero o CDisplay a melhor opção no Windows 2000-XP-Vista-7

Para ler quadrinhos no Android:

O Perfect Viewer é o meu preferido dentre as várias opções no Android

Para ler quadrinhos no Mac:

O Sequential 2 é uma boa opção - testado no MacOS 10.6

Para ler quadrinhos no iPad:

Aguardando apenas a doação de um iPad para testar o Comic Zeal

Para ler quadrinhos no Linux:

No link acima há instruções de instalação e packages para diversos distros

Para ler quadrinhos no Windows Phone:

Não testado mas bem recomendado na app store

%d blogueiros gostam disto: