Jetstortopia

Leituras de janeiro (6)

Posted on: 02/01/2017


leituras-de-janeiro-6

Desejo de Status (LPM Editores, 2013) – neste livro original de 2004 o grande filósofo suíço radicado na Inglaterra Alain de Botton (1969-) investiga as raízes históricas e filosóficas da crescente angústia contemporânea por prestígio, fama e pertencimento, levando-nos a refletir pela relação ambígua entre essa necessidade universal humana e a felicidade e as respostas filosóficas para essa equação através dos tempos.

The Silver Age of DC Comics (Taschen Books, 2013) – nessa obra monumental o renomado roteirista norte-americano e editor de quadrinhos Paul Levitz (1956-) nos leva para uma viagem maravilhosamente ilustrada através da Era de Prata (1956-1970) dos quadrinhos de super-heróis da editora DC a qual, em um esforço concorrente à ascendente e rival editora Marvel, renovou e refundou conceitos do gênero válidos até hoje.

O Lado Sombrio dos Contos de Fadas (Editora Abril, 2016) – a jornalista, editora da Superinteressante e escritora brasileira Karin Hueck nos propõe uma jornada assombrosa e inquietante sobre as verdadeiras origens históricas, folclóricas e mitológicas muito pouco conhecidas dos mais apreciados e cândidos contos da literatura universal infantil.

Dreamcast: 101 Jogos Inesquecíveis (Editora Sampa, 2016) – dando seguimento ao ótimo trabalho documental que a equipe da revista Warpzone vem fazendo ao longo dos últimos anos o volume 11 da coleção 101 Games dá o devido destaque ao um dos consoles mais queridos de todos os tempos – o Dreamcast da Sega – e sua maravilhosa e inovadora biblioteca de jogos.

Flash Gordon no Planeta Mongo (Pixel Editora, 2015) – em um trabalho de altíssima qualidade em prol do resgate dos maiores clássicos dos quadrinhos a editora Pixel nos brinda com um dos personagens mais influentes da 9a Arte, Flash Gordon – referência direta para a criação do universo Star Wars por George Lucas, para dizer o minimo – no traço excepcionalmente elegante e dinâmico de um dos gigantes das HQs, seu criador Alex Raymond (1909-1956)

Príncipe Valente nos Tempos do Rei Arthur (Pixel Editora, 2016) – dando continuidade ao trabalho anterior a editora continua a nos proporcionar a apreciação dos maiores clássicos das HQs – desta feita publicando em formato tablóide um dos precursores do meio, Harold Foster (1892-1982), e sua magnífica criação em tamanho e cores originais.

 

Anúncios

2 Respostas to "Leituras de janeiro (6)"

Adoro o Alain de Botton, e com certeza vou ler essa sua indicação… Valeu! E ótimo 2017 pra vc, amigo!! beijão

Curtido por 1 pessoa

Valeu Re! Acho que vc tb vai gostar dessa obra dele, Feliz 2017!

Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Banner

Adicione nosso banner

Translate

Traducir - 번역 - Übersetzen - Traduire - Tradurre - 翻訳する - Přeložit - μεταφράζω - 翻译

Do quê você é fã?:

Insira seu endereço de email para assinar este blog e receber notificações de novos artigos por email

Junte-se a 450 outros seguidores

Enquete:

Tweets + recentes:

Para ler quadrinhos no PC:

Considero o CDisplay a melhor opção no Windows 2000-XP-Vista-7

Para ler quadrinhos no Android:

O Perfect Viewer é o meu preferido dentre as várias opções no Android

Para ler quadrinhos no Mac:

O Sequential 2 é uma boa opção - testado no MacOS 10.6

Para ler quadrinhos no iPad:

Aguardando apenas a doação de um iPad para testar o Comic Zeal

Para ler quadrinhos no Linux:

No link acima há instruções de instalação e packages para diversos distros

Para ler quadrinhos no Windows Phone:

Não testado mas bem recomendado na app store

%d blogueiros gostam disto: