Jetstortopia

Posts Tagged ‘90s


Na metade dos anos 90 o sonho da fotografia digital ainda era mais promessa do que realidade, até que a Casio lança a primeira câmera com visor LCD – a lendária Casio QV 10 – iniciando de fato a popularização da categoria no mercado. A Kodak, então ainda gigante da fotografia analógica, não queria ficar para trás e criou a família de câmeras digitais DC –  após ter lançado um modelo mais simples sem visor (Kodak DC20), lança a Kodak DC25 em 1996. Ainda que portando um visor LCD colorido menor do que a concorrente, a DC25 foi a primeira câmera digital a contar com um slot PCMCIA para expansão de memória através de cartões Compact Flash muito superiores em velocidade de acesso e capacidade de armazenamento do que ofereciam outras opções à época (como a Sony Mavica FD71, que utilizava disquetes de 1,44Mb).

A Kodak DC25 é alimentada por 2 pilhas CR123A, possui flash embutido e é capaz de armazenar até 29 fotos em baixa resolução (320×240 pixels) ou 14 em “alta” (493×373) em seus 2 Mb de armazanamento interno, aceitando cartões CF de até 1GB – permitindo na própria câmera a deleção ou transferênciade fotos do armazenamento interno para o cartão CF e vice-versa, através do viso LCD de 1,6mm. As fotos podem ser transferidas para um PC através de cabo serial fornecido e minimamente editadas e convertidas de seu formato proprietário .k25 para .jpg, .bmp ou .tif através do programa Kodak Photoenhancer, disponível no pack do produto em disquetes e CDROM – os requisitos mínimos sendo um PC 486 de 33Mhz rodando Windows 95, 6Mb de  memória RAM e 30MB livres para instalação.


Segunda parte dos scans de cards colecionáveis do Homem de Ferro publicados pela Marvel através de seu selo Fleer/Skybox entre 1994 e 1996, quando sua popularidade estava em alta devido à promoção da Marvel Action Hour, seguimento televisivo que levou ao ar por duas temporadas novos desenhos animados do personagem  – clique aqui para a primeira parte.

*****

Iron Man @ Marvel Masterpieces #56, 1994 – arte por Tim & Greg Hildebrandt

*****

Iron Man @ Marvel Flair Annual, 1995 – arte por John Romita Jr & Bob Layton

*****

Iron Man @ marvel metal Blaster #7, 1995 – arte por Darick Robertson & Jung Choi

*****

Iron Man @ Spider Man Team Ups #121, 1995 – arte por Bob Larkin

*****

Iron Man @ Marvel Metal #23, 1995 – arte por John Czop & Don Cassity

*****

Iron Man & Crimson Dynamo @ Marvel Vision #96, 1996 – arte por Tom Morgan 

*****


A primeira loja permanente exclusivamente dedicada a produtos relativos ao famoso anime Sailor Moon foi recém-inaugurada no bairro de Harajuku, em Tóquio – segundo The Japan Times, citado pelo Kotaku.

De acordo com um representante da Toei Animation, o volume de itens lançados por conta da comemoração dos 20 anos do anime justificaram o investimento, como pode ser apreciado nas imagens abaixo.


Desde os anos 60 a Marvel promoveu ativamente a expansão de seu vibrante e inovador universo ficcional dos quadrinhos para outras midias, graças principalmente ao genial criador Stan Lee – tornado publisher nos anos 70 exatamente para isso – cujos esforços vieram a ser amplamente recompensados nos anos 2000 com o surgimento do Universo Cinematográfico Marvel.

Inicialmente porém, os projetos de expansão eram menos ambiciosos e se concentravam em áreas mais próximas e acessíveis como livros, animações e seriados televisivos, que se desenvolveram principalmente da segunda metade dos anos 60 ao início dos anos 80.

Após alguns anos de hiato, os anos 90 viram ressurgir uma bem sucedida investida da Marvel no ramo das animações associado à produção de action figures, bem como um retorno da editora ao mercado literário convencional através de novelizações de seus personagens principais lançados em pocket books entre 1995-97.

Alguns deles foram estrelados pelo Homem de Ferro – acompanhando seus desenhos animados do período 1994-96 – dos quais as capas de alguns títulos podem ser apreciadas abaixo:

*****


É claro que minha filha quer um – é rosa e é Sailor Moon!

Segundo o site Fashion Snap, via Kotaku, a companhia chinesa Meitu Inc está produzindo um celular inspirado no famoso mangá e anime Sailor Moon, licenciado oficialmente.

O celular é acompanhado de um belo selfie stick – uma réplica do cetro portado pela personagem principal do desenho animado – e será vendido por aproximadamente U$430, com tiragem limitada a dez mil unidades.

*****

*****


Fleer_Skybox_logoA partir de 1990 a Marvel apostou alto no ramo de cards colecionáveis publicando seus personagens em várias séries de alta qualidade, através do selo Fleer/Skybox.

Segue abaixo a primeira parte dos scans de cards do Homem de Ferro com material produzido por artistas do porte de George Perez, Kevin Hopgood e Pat Oliffe dentre outros, publicados entre 1994 e 1996 quando sua popularidade estava em alta devido à promoção da Marvel Action Hourseguimento televisivo que levou ao ar por duas temporadas novos desenhos animados do personagem em conjunto com o Quarteto Fantástico. Clique aqui para a segunda parte.

*****

Iron Man 90s cards 01fwIron Man 90s cards 01tw

Iron Man @ Freeze Frames #8, 1994 – arte por Pat Olliffe

*****

Iron Man 90s cards 02fwIron Man 90s cards 02tw

Iron Man @ Marvel Cards Super Heroes #161, 1994 – arte por George Perez

*****

Iron Man 90s cards 03fwIron Man 90s cards 03tw

Iron Man Crash & Burn #80, 1994 – arte por Kevin Hopgood

*****

Iron Man 90s cards 04fwIron Man 90s cards 04tw

Iron Man Crash & Burn #75, 1994 – arte por Kevin Hopgood

*****

Iron Man 90s cards 05fwIron Man 90s cards 05tw

War Machine @ Marvel Cards Super Heroes #164, 1994 – arte por Gabriel Gecko & Mike McKenna

*****

Iron Man 90s cards 06fwIron Man 90s cards 06tw

War Machine @ Marvel Masterpieces #133, 1994 – arte por Tim & Greg Hildebrandt

*****


Sega Digitizer System

Através de pesquisa em antigas revistas dedicadas aos videogames (Beep! de  abril de 1985, Arcades 7 de abril de 1988, Mega Force 4 de  janeiro de 1992), o blog Video Games Densetsu detalhou os hardwares utilizados pelos artistas da Sega que davam suporte à criação da pixel art desenvolvida para três gerações de consoles nos 80s e 90s – SG-1000, Master System e Mega Drive (além da placa arcade System-16, na qual o último fora baseado).

Sega SG-1000 - Master System - Mega Drive

O hardware utilizado era chamado Sega Digitizer System – tendo havido três versões do mesmo – o qual era acoplado à um NEC-98 PC que posssuia um HD capaz de armazenar os arquivos, os quais eram criados desenhando-se cada frame diretamente na tela, ponto a ponto. Detalhes do processo podem ser vistos nas imagens abaixo, para os games Pitfall II (Arcade/System 1, 1985), Fantasy Zone (Arcade/System 16, 1986) Golden Axe II (Mega Drive, 1992):

Pitfall II 02NEC-98Sega Digitizer System 01Golden Axe II 02Golden Axe II 01Golden Axe II 03


Banner

Adicione nosso banner

Translate

Traducir - 번역 - Übersetzen - Traduire - Tradurre - 翻訳する - Přeložit - μεταφράζω - 翻译

Retrogaming:

Game OSTs:

Do quê você é fã?:

Insira seu endereço de email para assinar este blog e receber notificações de novos artigos por email

Junte-se a 556 outros seguidores

Enquete:

Tweets + recentes:

Erro: o Twitter não respondeu. Por favor, aguarde alguns minutos e atualize esta página.

Para ler quadrinhos no PC:

Considero o CDisplay a melhor opção no Windows 2000-XP-Vista-7

Para ler quadrinhos no Android:

O Perfect Viewer é o meu preferido dentre as várias opções no Android

Para ler quadrinhos no Mac:

O Sequential 2 é uma boa opção - testado no MacOS 10.6

Para ler quadrinhos no iPad:

Aguardando apenas a doação de um iPad para testar o Comic Zeal

Para ler quadrinhos no Linux:

No link acima há instruções de instalação e packages para diversos distros

Para ler quadrinhos no Windows Phone:

Não testado mas bem recomendado na app store

%d blogueiros gostam disto: